Resenha do leitor: A indenização


Heeeey gente, tudo bom? 
Venho hoje com a segunda publicação da coluna "Resenha Do Leitor". Essa resenha foi enviada pela minha colega de turma Alexia, e assim como todo leitor, não sai de casa sem um bom livro na bolsa. Eu vi como ela devorou esse livro e fez questão de dedicar seu tempo para divulgá-la aqui. Então sem mais delongas, confiram a opinião dela sobre o livro "A Indenização" :)

O livro retrata uma história empresarial bem incomum. Numa manhã de sábado, em um prédio comercial que só funciona de segunda a sexta, uma reunião é feita. A maioria deles está cansado demais para uma reunião no sábado ou de ressaca, mas todos os funcionários convocados comparecem. Eles são Jamie DeBroux, Amy Felton, Ethan Goins, Roxanne Kurtwood, Molly Lewis, Stuart McCrane e Nichole Wise, além de David (o chefe).

Quando todos chegam e a reunião começa (depois dos biscoitinhos, suco e champagne) Murphy abre o jogo com seus funcionários. Eles são uma empresa fachada parte da inteligência secreta federal, estão encerrando seus serviços e os funcionários sabem demais. Alegando que os elevadores foram programados para não pararem naquele andar pelas próximas 8 horas, que tem bombas tóxicas nas escadas de incêndio e que as linhas telefônicas daquele andar foram cortadas, Murphy os deixa duas opções: eles podem beber veneno ou levar um tiro na cabeça, simples e rápido. Quando os funcionários percebem que a improbabilidade daquela situação não a torna irreal, a luta começa. A luta por suas vidas, cada minuto que passa é mais importante que o anterior. Com os instintos de sobrevivência a flor da pele todos tentam achar um meio de fugir. No final das contas, morrer não é uma opção.

Muito bem escrito, "A Indenização" nos cativa do início ao fim. Com reviravoltas surpreendentes (e bota reviravolta nisso) notamos que até o plano mais bem elaborado tem margem de erro. Narrado pelo ponto de vista de quase todos os personagens, é um daqueles livros que você vai descobrindo as coisas junto com os personagens, sofre junto com eles e fica em um dilema do tipo "estou torcendo por quem?". Duane Swierczynski, esse gênio de nome impronunciável e editor da Marvel Comics, nos presenteou com uma história maravilhosa onde os limites humanos são testados a todo momento e você simplesmente não sabe o que vem a seguir. No começo da leitura você sabe tanto quanto os personagens e no fim você sabe apenas o essencial para entender o livro, algo torturante e que nos faz implorar por uma continuação.

Classificação: 5/5 

                          Beijos da Jú ❤️

2 comentários:

  1. Pelo que você retratou na resenha o livro aparenta ser muito bom; Quero ler! haha beijos ;*
    - http://contosdeescritores.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Amanda, tudo bom??
      Realmente essa minha amiga que resenhou adorou. Tenho certeza que ela recomenda rs

      Beijos e obrigada pela visita ❤️

      Excluir

© Nome do seu Blog - 2016 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design | Tecnologia do Blogger.
imagem-logo